Música

Diogo Piçarra desiste do Festival da Canção após polémica sobre plágio

Diogo Piçarra desiste do Festival da Canção após polémica sobre plágio

Diogo Piçarra já não vai participar no Festival da Canção, na sequência da polémica sobre plágio em que o músico se viu envolvido.

"A toda esta família, informo que decidi terminar a minha participação no Festival da Canção", comunicou o artista no Instagram, esta terça-feira à noite, agradecendo "todo o apoio e carinho" que tem recebido.

"A minha posição mantém-se em relação à minha música, a consciência tranquila e cabeça erguida. Mas não pretendo alimentar mais esta nuvem. Tudo isto que se criou em torno da minha participação já não é Música", lê-se na mensagem, onde deixa claro que "já não faz sentido" tentar representar Portugal na Eurovisão.

Diogo Piçarra foi acusado, nas redes sociais, de ter plagiado uma música da Igreja Universal do Reino de Deus ao apresentar o tema "Canção do Fim", com o qual atuou nas meias-finais.

Entretanto, a RTP já reagiu à desistência, esclarecendo que em nenhum momento pôs em causa a "integridade" do artista e dando conta da música que vai substituir a "Canção do Fim", na final do Festival. "Mensageira", composta por Aline Frazão e interpretada por Susana Travassos, que tinha ficado em oitavo lugar na segunda semifinal, vai assumir o número 760 100 802 (sorteado para Diogo Piçarra), com a contagem a iniciar-se do zero.

Assista à atuação de Susana Travassos aqui:

Outras Notícias