Cultura

Doutorado em Física vence Prémio de Literatura Infantil 2015

Doutorado em Física vence Prémio de Literatura Infantil 2015

Sérgio Mendes, doutorado em Física e professor, venceu a segunda edição do Prémio de Literatura Infantil do Pingo Doce com o conto "O caracol apaixonado", foi anunciado, este domingo, na Feira do Livro de Lisboa.

O Prémio de Literatura Infantil foi criado pela empresa Pingo Doce com a editora Alethêia e tem um valor monetário de 50 mil euros, a repartir entre o autor do texto premiado e, numa segunda fase, o autor da ilustração distinguida.

Sérgio Mendes tem 41 anos, nasceu em Guimarães, é doutorado em Física e professor na escola secundária D. Dinis, em Santo Tirso. O autor, que agradeceu ao pai o gosto pela leitura e pelos livros, revelou que já tinha concorrido na primeira edição do prémio.

Pelo valor monetário envolvido, este é o maior prémio literário atribuído especificamente na área da literatura para a infância e juventude.

De acordo com o júri, "para selecionar a história vencedora, de entre as muitas que podiam ter ganho, privilegiou-se o critério da qualidade da escrita, a narrativa ritmada e própria para crianças e a imaginação e o colorido do texto que convidasse à ilustração, substituindo os estereótipos por uma escrita moderna, capaz de prender a atenção de uma criança".

O júri, presidido pela editora Zita Seabra, integrou Eduardo Sá, Isabel Stilwell, Isabel Zambujal e Sara Miranda e a esta segunda edição apresentaram-se 1300 candidaturas.

O Prémio de Literatura Infantil realiza agora a fase dedicada à ilustração, com início a 2 de junho. "Todos os interessados em candidatar-se à fase de ilustração deverão solicitar o texto vencedor e submeter o seu trabalho ao júri do prémio", refere a organização.

PUB

O livro com o conto de Sérgio Mendes - e a futura ilustração - será publicado em novembro.

Na primeira edição, o Prémio de Literatura Infantil Pingo Doce distinguiu o texto "De onde vêm as bruxas?", de Joana Pires Lopes, 31 anos, professora, e a ilustração de Luís Belo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG