Cultura

Exposição da Capital da Cultura vandalizada em Braga

Exposição da Capital da Cultura vandalizada em Braga

Vários painéis, constituídos por telas gigantes, foram queimados na madrugada de domingo na Praça Conde Agralongo, Campo da Vinha.

Os suportes da exposição de arquitetura itinerante, organizada no âmbito da Capital Europeia da Cultura e da responsabilidade do Núcleo de Arquitectos da Região de Braga (NARB), também foram vandalizados.

Situação esta que levou a organização a cancelar a exposição e um evento previsto para o encerramento dos "Lugares Prováveis".

"Devido à falta de garantias mínimas de condições de segurança, o NARB irá recolher a exposição e cancelar o momento de encerramento da exposição que integrava o mês da Arquitetura", referiu, terça-feira, via Facebook, José Martins, presidente do NARB.

A exposição " Lugares Prováveis", seis projectos de arquitetura produzidos e localizados no distrito de Braga, teve início em Guimarães, passou por Famalicão, Barcelos, Esposende, e terminava em Braga.