Premium

Woodstock 69 recriado este sábado em Celorico de Basto

Woodstock 69 recriado este sábado em Celorico de Basto

E se de repente celebrássemos os 50 anos da mítica edição de Woodstock 69 até ao nascer do dia, entre viçosos jardins no meio de Celorico de Basto? É o que vai acontecer este sábado, na festa organizada pelo comunicador Álvaro Costa e pelo seu parceiro celoricense nos Bros Brothers, Artur Machado (Maryzka).

Há muito que o que se passou naquela herdade de Bethel, nos arredores de Nova Iorque, ultrapassou as fronteiras da música. De acontecimento musical a social, de cinematográfico a arquivista, de histórico a evocativo, Woodstock 69 é uma espécie de mito sobre o qual nunca se vai saber tudo. E muito do que se sabe chega-nos em forma de filme, pois grande parte de quem lá esteve já morreu ou teve a memória consumida pelas drogas da época.

Álvaro Costa foi um dos que privou com o promotor Michael Lang. Recentemente, em conversa com Artur Machado, surgiu a ideia de celebrar os 50 anos do festival hippie numa festa em Celorico de Basto a que chamaram Woodstock CBT. Depois, juntaram-lhe um punhado de artistas de qualidade e fizeram o que Álvaro Costa chama de "festa com um toque woodstockiano num sítio muito bonito".