Cultura

João Tordo é o único português nos finalistas do Prémio Literário Europeu

João Tordo é o único português nos finalistas do Prémio Literário Europeu

O escritor João Tordo é o único autor português entre os finalistas da 6.ª edição do Prémio Literário Europeu, cujo vencedor será conhecido, em Bruxelas, a 5 de dezembro. O anúncio foi feito esta terça-feira.

O escritor João Tordo foi selecionado pela edição francesa de "O Bom Inverno" ("Le Bon Hiver"), traduzido por Dominique Nedellec, e publicado pela Actes Sud.

O livro foi editado pela Dom Quixote em agosto de 2011, e encontra-se atualmente no mercado em 4.ª edição, segundo a editora.

"O Bom Inverno" conta a história de um escritor frustrado e hipocondríaco que se desloca a Budapeste, Hungria, onde acaba por conhecer um escritor italiano mais jovem, mais enérgico e muito pouco sensato.

O jovem escritor italiano convence-o a ir com ele até Sabaudia, em Itália, onde o famoso produtor de cinema Dom Metzger reúne um leque de convidados excêntricos numa casa escondida no meio de um bosque.

Além de "O Bom Inverno", a Actes Sud publicou, de João Tordo, o romance "As Três Vidas" ("Le Domaine Du Temps").

Nascido em Lisboa a 28 de agosto de 1975, João Tordo formou-se em Filosofia e estudou Jornalismo e Escrita Criativa em Londres e Nova Iorque.

PUB

Foi vencedor do Prémio Jovens Criadores em 2001, e venceu o Prémio José Saramago 2009 com o romance "As Três Vidas" (2009).

Foi finalista dos prémios Portugal Telecom, Fernando Namora e Melhor Livro de Ficção Narrativa da Sociedade Portuguesa de Autores.

Publicou também os romances, "O Livro dos Homens Sem Luz" (2004), "Hotel Memória" (2007) e "Anatomia dos Mártires" (2011).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG