Música

Conan Osiris, D.A.M.A, Surma e Miguel Guedes entre os compositores do Festival da Canção 2019

Conan Osiris, D.A.M.A, Surma e Miguel Guedes entre os compositores do Festival da Canção 2019

Conan Osiris, D.A.M.A, Surma, Miguel Guedes, Flak, D'Alva, Lura e Calema estão entre os artistas e bandas convidados pela RTP para comporem temas para ao Festival da Canção 2019.

Num comunicado divulgado esta quarta-feira, a RTP divulga os nomes "dos 16 responsáveis pela composição das canções concorrentes" ao Festival da Canção 2019, cujas semifinais decorrem a 16 e 23 de fevereiro, nas instalações da estação em Lisboa, e a final a 02 de março, em local a anunciar.

Dos 16 compositores a concurso, 14 foram convidados pela RTP, "uma vez mais tendo em conta a representação da diversidade de géneros musicais que tem sido aplicada desde que foi posta em prática uma remodelação do formato após um ano de pausa verificado em 2016".

"Os dois restantes concorrentes chegaram de dois concursos promovidos pela Antena 1, um deles através do programa 'Masterclass' e aberto a quem não tenha até aqui música editada, o outro através de um concurso de livre submissão pública", lê-se no comunicado.

A RTP convidou os seguintes músicos e bandas: André Tentúgal, Calema, Conan Osíris, D'Alva, D.A.M.A., Flak, Frankie Chavez, Lura, Miguel Guedes, NBC, Rui Maia, São Pedro, Surma e Tiago Machado.

Mariana Bragada e Filipe Keil foram os escolhidos por concurso.

A música "O Jardim", interpretada por Cláudia Pascoal e composta por Isaura, venceu este ano o Festival da Canção, cuja final decorreu em Guimarães.

Cláudia Pascoal e Isaura representaram Portugal no Festival Eurovisão da Canção, que decorreu pela primeira vez em Portugal, em Lisboa, na sequência de o país se ter sagrado vencedor em 2017, em Kiev com o tema "Amar pelos dois", interpretado por Salvador Sobral e composto por Luísa Sobral.

A edição deste ano do Festival da Canção da RTP, cujo modelo foi renovado em 2016, ficou marcada por duas polémicas: um erro na contagem dos votos na primeira semifinal, que acabou por retirar da corrida a canção "Eu te Amo", composta por Mallu Magalhães, entrando o tema de Jorge Palma; e a suspeita de plágio da música "Canção do fim", composta e interpretada por Diogo Piçarra, uma das escolhidas na segunda semifinal, que acabou por levar o músico a desistir da competição, dando lugar ao tema de Aline Frazão.

A RTP "oportunamente divulgará quais serão os títulos das canções e os respetivos intérpretes" a concurso em 2019.

ver mais vídeos