Séries

Netflix retira cena de suicídio em "Por 13 razões"

Netflix retira cena de suicídio em "Por 13 razões"

Dois anos depois da estreia, a Netflix decidiu retirar a cena de suícido da personagem Hannah Baker do último episódio da primeira temporada de "Por 13 razões".

A série "13 reasons why", título original da Netflix, teve tanto de sucesso como de polémica. A história de Hannah Baker, uma adolescente de 17 anos que comete suícido e deixa sete cassetes a justificar a decisão, correu mundo e não fugiu de algumas críticas. A série, dirigida por Brian Yorkey, aborda temas como depressão, bullying, isolamento ou abuso sexual e chegou a ser acusada de "romantizar" a decisão de por fim à vida. Um estudo demonstrou mesmo que o índice de suicídios de jovens dos 10 aos 17 anos cresceu 30% em abril de 2017, mês em que a série estreou.

Esta terça-feira, a Netflix anunciou que modificou o último episódio da primeira temporada, retirando a cena em Hannah Baker tira a própria vida - que tinha a duração de três minutos. Em comunicado, a decisão foi justificada com "aconselhamento médico".

"Vários jovens disseram-nos que "Por 13 razões" os encorajou a iniciar conversas sobre assuntos delicados como a depressão e o suicídio e a procurar ajuda - em muitos casos pela primeira vez. Mas dado que nos preparamos para lançar a terceira temporada este verão, temos estado atentos ao debate em curso acerca da série. E, então, depois de nos aconselharmos com especialistas, incluindo Christine Moutier, diretora da Fundação Americana de Prevenção do Suicídio, decidimos editar a série da primeira temporada em que a Hannah tira a própria vida", lê-se em comunicado.

Assim, os espectadores apenas verão a reação dos pais à morte da protagonista. A terceira temporada ainda não tem data de estreia.