Exclusivo

Mercado da arte regressa aos poucos à normalidade

Mercado da arte regressa aos poucos à normalidade

Roteiro de exposições até final do verão marcado pela tentativa de retoma após 16 meses de forte retração.

Não é ainda a muito esperada retoma plena da dinâmica artística, devastada pelos efeitos da pandemia. Mas, no meio dos reveses constantes desde março do ano passado, os museus e galerias lograram apresentar um conjunto de propostas que têm como missão convencer os céticos de que a visita a estes espaços pode ser feita num ambiente de segurança.

Para quem evitava deslocar-se aos museus no verão devido à sobrecarga habitual de visitantes, sobretudo estrangeiros, os próximos meses são uma rara oportunidade para um regresso tranquilo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG