Estudo

Metade da população não assistiu a um evento cultural em 2021

Metade da população não assistiu a um evento cultural em 2021

Um estudo efetuado pela empresa de estudos de mercado Marktest indica que mais de cinco milhões de portugueses, aproximadamente metade da população, não assistiu a uma única manifestação cultural no ano passado,

Os hábitos culturais dos portugueses sofreram um recuo no ano passado, de acordo com um estudo levado a cabo pela Marktest. Depois de, há três meses, a Fundação Calouste Gulbenkian ter revelado um estudo que demonstrava que 61% dos portugueses não leram um livro no ano passado, o levantamento agora efetuado pela empresa de estudos de mercado aponta que cinco milhões e meio de pessoas não assistiraram a qualquer atividade cultural, o que inclui idas ao teatro e museus, salas de espetáculo ou de cinema e até palestras ou festivais gastronómicos

De acordo com os resultados, a quebra nos hábitos de consumo culturais aumentou 68% face a 2019, o primeiro ano pré-pandemia.

Em 2020, o número de portugueses que afirmava não ter frequentado uma atividade cultural situava-se em 44,2%, percentagem que aumentou quase 10% no ano seguinte, apesar da abertura progressiva de espaços ao longo dos últimos 12 meses.

Os indicadores atuais estão muito distantes dos verificados em 2018, quando o número de inquiridos que afirmava não ter participado em eventos públicos culturais se situava nos 36,2%.

O estudo, que teve por base uma amostra de cinco mil entrevistas a indivíduos com 15 e mais anos de idade, revela que "as mulheres, os indivíduos entre os 45 e 54 anos, assim como os residentes no Sul ou os indivíduos das classes mais baixas foram quem mais referiu não ter ido a nenhum destes eventos culturais no período de referência".

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG