Cultura

Morreu o organista titular da Sé Patriarcal de Lisboa

Morreu o organista titular da Sé Patriarcal de Lisboa

O organista titular da Sé Patriarcal de Lisboa, o francês Antoine Sibertin-Blanc, morreu em Lisboa, aos 82 anos, vítima de doença prolongada, indicou no sábado fonte do Instituto Francês de Portugal.

Nascido em Paris em 1930, Sibertin-Blanc vivia em Portugal desde 1961, tendo sido responsável pela reabilitação da música litúrgica portuguesa, nomeadamente do canto gregoriano, e precursor da atual escola portuguesa de órgão.

Em 1999, foi agraciado pelo então Presidente da República, Jorge Sampaio, com a comenda da Ordem de Sant'iago da Espada.

O corpo de Antoine Sibertin-Blanc encontra-se na Sé Patriarcal, onde se celebrará este domingo missa de corpo presente, às 14 horas, seguindo depois para o cemitério de São Pedro de Sintra, onde será sepultado, de acordo com a mesma fonte.