Premium

O advogado que resgata raridades bibliográficas

O advogado que resgata raridades bibliográficas

Francisco Marques coleciona obras seculares que compra em leilões. Prioridade são os livros de autores portugueses dispersos no estrangeiro.

Não faltam apreciadores de livros antigos, mas poucos levam essa paixão tão longe como Francisco Marques. O advogado de Barcelos é um dos maiores colecionadores privados de autênticos tesouros literários, com destaque para livros raros de figuras portuguesas entre os séculos XV e XVIII.

Dos mais conhecidos Garcia de Orta, Pedro Nunes e Damião de Góis, aos hoje quase esquecidos Amato Lusitano, Cristóvão da Costa, André de Avellar, o bibliófilo confessa sentir "um especial gosto em resgatar para o nosso país livros de autores nacionais publicados no estrangeiro".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG