Cultura

"O Artista" conquista seis César

"O Artista" conquista seis César

O filme "O Artista" foi esta sexta-feira o grande vencedor dos prémios do cinema francês, ao ganhar seis César, incluindo Melhor Filme, Melhor Realizador e Melhor Atriz, noticiou a agência AFP.

O filme, em exibição em Portugal, é candidato no domingo a dez Óscares, incluindo Melhor Filme, e já foi premiado com três Globos de Ouro (EUA), sete Bafta (Reino Unido) e um Goya (Espanha).

O seu realizador, Michel Hazanavicius, recebeu hoje o César de Melhor Realizador, enquanto Bérénice Béjo o de Melhor Atriz.

"O Artista" foi ainda galardoado, na 37.ª cerimónia de entrega dos prémios do cinema francês, com o César de Melhor Fotografia, Melhor Cenário e Melhor Música Original.

Já o César de Melhor Filme Estrangeiro foi para "Uma Separação", do cineasta iraniano Asghar Farhadi.

O filme, também em exibição nas salas portuguesas e candidato a um Óscar, já foi premiado no Festival de Berlim com o Urso de Ouro e Urso de Prata e nos Estados Unidos com o Globo de Ouro (prémio da crítica).

O grande derrotado da noite foi "Polissia", de Maiwenn Le Besco, que apenas arrecadou dois dos 13 prémios César para os quais estava nomeado: Melhor Atriz Revelação (Naidra Ayadi) e Melhor Montagem.

PUB

"O Artista", considerado uma homenagem ao cinema, é um filme mudo e a preto e branco que conta a história de uma estrela de cinema em declínio, George Valentin, que se apaixona por uma jovem dançarina que procura o sucesso. A ação decorre em Hollywood, em 1927.

"Uma Separação" retrata temas tão diversos como o divórcio, a assistência aos idosos, a justiça ou o desemprego.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG