Cultura

Obama na "coroação" de Souto de Moura

Obama na "coroação" de Souto de Moura

O presidente norte-americano, Barack Obama, participa, esta quinta-feira, com a primeira dama, Michelle Obama, na "coroação" de Eduardo Souto de Moura com o Prémio Pritzker de Arquitetura 2011, em Washington DC.

Keith Walker, da organização do evento, disse à Agência Lusa que são esperados cerca de 400 convidados para a cerimónia de gala de entrega daquele que é considerado o mais alto galardão da arquitectura internacional, que tem como palco o auditório Andrew W. Mellon, marco entre os edifícios clássicos da capital norte-americana.

A cerimónia começa às 23 horas de Portugal continental.

"O presidente participa porque é uma cerimónia importante de entrega de prémios em Washington DC", explicou.

A organização rejeita qualquer relação entre a presença presidencial no evento e a recolha de fundos para a campanha das próximas eleições presidenciais de Novembro de 2012 de Barack Obama, que se tem desdobrado nas últimas semanas em acções do género em vários pontos do país.

Com raízes em Chicago, tal como o presidente, a família Pritzker é uma das mais ricas dos Estados Unidos e desempenhou papel importante na recolha de fundos de várias eleições em que Obama participou, mormente a de 2008.

Devido à presença do presidente na cerimónia, esta será restrita aos meios de comunicação social que integram o corpo de imprensa da Casa Branca, estando todos os outros jornalistas convidados apenas a assistir.

A imprensa convidada está impedida de fazer perguntas ao presidente e de usar telemóveis para recolha de áudio ou vídeo.

Antes do evento, o embaixador em Washington, Nuno Brito, será o anfitrião de um almoço em homenagem a Souto de Moura, em que participa também a família e convidados do arquitecto portuense.

No valor de 100 mil dólares (70 mil euros), o prémio Pritzer foi criado em 1979 por Jay Pritzker e a sua mulher Cindy, através da sua Fundação Hyatt.

Já distinguiu oito arquitectos norte-americanos e 28 de dez outros países, incluindo o também português Siza Vieira (1992, Chicago).

Outras Notícias