Exclusivo

Palcos digitais abriram portas a públicos locais e estrangeiros

Palcos digitais abriram portas a públicos locais e estrangeiros

Programações online surpreenderam diretores artísticos pela adesão de público neste segundo confinamento. Projetos terão continuidade pós-covid.

Nunca antes o online tinha sido tão utilizado nas artes performativas como durante esta era pandémica. Mas como estão os públicos a responder a esta migração e a estes novos objetos artísticos?

No Teatro Nacional D. Maria II (TNDM II) os números surpreenderam. Neste confinamento que começou em janeiro, "a terceira sala do TNDM II teve 40 mil acessos", contou ao JN o diretor artístico da instituição, Tiago Rodrigues.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG