Música

RTP apresenta Festival da Canção com olhos postos em Turim

RTP apresenta Festival da Canção com olhos postos em Turim

Há 20 canções a concurso e dez apuram-se para a final, que se realiza a 12 de março, mais uma vez nos estúdios do canal. Apresentação é de Filomena Cautela e Vasco Palmeirim.

Com um modelo semelhante aos anos anteriores, o Festival da Canção, transmitido pela RTP1, volta a envolver duas semifinais e uma final. As semifinais acontecem nos dias 5 e 7 de março e a final está marcada para 12 de março. Todos os programas serão realizados nos estúdios da RTP, em Lisboa, e em direto na RTP1, RTP Play e RTP Internacional.

Na primeira semifinal, a dupla Sónia Araújo e Jorge Gabriel garante a apresentação do espetáculo. A segunda semifinal, que decorre no dia em que a estação celebra o 65.º aniversário, ficará a cargo de Tânia Ribas de Oliveira e José Carlos Malato. Ao comando de todas as decisões estarão Filomena Cautela e Vasco Palmeirim. O "Green Room" dos três espetáculos será gerido por Inês Lopes Gonçalves.

Em cada semifinal haverá dez canções em competição, cinco das quais se qualificam para a final. O sistema de votação seguirá o modelo habitual, sendo metade da pontuação atribuída por um júri profissional e a outra metade através do voto popular. O vencedor apura-se para o Festival da Eurovisão, agendado para Turim, Itália, cidade que vai receber os participantes no Festival da Eurovisão nos dias 10, 12 (semifinais) e 14 de maio (final). No ano passado em Roterdão, nos Países Baixos, ganhou a banda italiana Maneskin.

"Uma grande expectativa"

Fábia Rebordão, Agir e FF estão entre os participantes mais conhecidos nesta edição. Os dois primeiros concorrem como autores, mas o também ator compôs e interpreta a música "Como é bom esperar alguém". "Sou um artista de várias referências e esta música tem muitas coisas de que gosto", referiu FF ao JN no espaço LAV - Lisboa Ao Vivo, onde o Festival da Canção foi apresentado esta sexta-feira. "Fico muito feliz de estar rodeado por tantos autores e intérpretes. A seguir ao Festival espero lançar um disco."

À espera da primeira filha, Fábia Rebordão escreveu para Jonas, o intérprete de "Pontas soltas". "Escolhi-o porque ele dança, compõe e vai dar cartas. Estou com uma grande expectativa", afirma a fadista.

PUB

Quanto a Agir, apoia Carolina Milhanas, que já tinha convidado para o programa "Cantando Abril", na RTP1. Pormenor: a jovem é a voz da música "Quem trouxe?", de uma cadeia de supermercados. "É uma voz que veio para ficar. Tem todo um palco para ter visibilidade e diversidade", diz o músico ao JN.

Semifinal 1

Aurea - "Why?

Fado Bicha - "Povo pequenino"

FF - "Como é bom esperar alguém"

Joana Espadinha (interpreta Diana Castro) - "Ginger ale"

Kumpania Algazarra - "A minha praia"

Maro - "Saudade, aaudade"

Norton - "Hope"

Themisterdriver - "Calisen"

Tiago Nogueira (interpretam Os Quatro e Meia) - "Amanhã"

Valas - "Odisseia"

Semifinal 2

Agir (interpreta Carolina Milhanas) - "Corpo de mulher"

Blacci - "Mar no fim"

Cubita - "Uma mensagem tua"

DJ Marfox (interpretam Pongo e Tristany) - "Dégradé"

Fábia Rebordão (interpreta Jonas) - "Pontas Soltas"

Os Azeitonas - "Solta a voz e canta"

Pedro Marques (interpreta Inês Homem de Melo) - "Fome de viagem"

Pepperoni Passion - "Código 30"

PZ (interpreta O Vampiro Submarino) - "Ao lado de mim"

Syro - "Ainda nos temos"

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG