Cultura

Sérgio Godinho estreia-se na ficção literária

Sérgio Godinho estreia-se na ficção literária

Recolha de histórias, "Vida dupla" chega às livrarias na sexta-feira. É o 11.º livro publicado pelo músico.

"Vida dupla" é o título da recolha de histórias que assinala a estreia na ficção de Sérgio Godinho. "Mosaico em que as figuras se desdobram de pessoas comuns em fantasiosas personagens (e vice-versa)", segundo nota da editora, o livro, com a chancela da Quetzal, chega às livrarias na próxima sexta-feira.

Atravessam este trabalho histórias extraídas do quotidiano que revelam personagens marcadas por um traço comum: "cumprem um singular destino através do papel que lhes coube no circo da vida".

Ao longo das narrativas, há sempre um elemento perturbador que interrompe o curso normal dos dias. Desde um homem que deixa a sua casa todas as noites, optando por dormir misteriosamente ao relento, ao carrasco que, mesmo tão habituado à morte, reflete sobre o sentido da existência, "Vida dupla" apresenta um conjunto amplo de histórias.

Apesar de ser a sua primeira incursão ficcional, Sérgio Godinho já publicou um total de 11 livros. Obras de géneros muito diferentes que vão ao encontro da própria polifonia do cantor. Guiões de cinema (como "Kilas, o mau da fita), poesia ("Sangue por um fio"), histórias para a infância ("O pequeno livro dos medos"), peças de teatro ("Eu tu ele nós vós eles") ou crónicas ("Caríssimas quarenta canções") são disso apenas alguns exemplos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG