O Jogo ao Vivo

Cultura

Um minuto de silêncio no Estádio do Dragão com palmas e uma morna

Um minuto de silêncio no Estádio do Dragão com palmas e uma morna

O arranque do jogo entre F. C. Porto e Marítimo, referente à 13.ª jornada da Liga Portuguesa de futebol, foi antecedido de um minuto de silêncio em memória da cantora cabo-verdiana Cesária Évora, que morreu hoje vítima de doença prolongada.

O minuto de silêncio respeitados pelos jogadores das duas equipas, alinhados no circulo central, foi acompanhado de palmas vindas das bancadas, ao som de uma morna de Cesária Évora e com imagens da cantora a passar nos ecrãs do Estádio do Dragão, com o público de pé.

Cesária Évora morreu por volta das 11.20 horas deste sábado, aos 70 anos, no hospital Baptista de Sousa, na ilha de São Vicente, onde estava internada desde sexta-feira.

De acordo com o director clínico do hospital, a causa da morte foi "insuficiência cardiorrespiratória aguda e tensão cardíaca elevada".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG