O pintor Agostinho Santos foi à procura do rosto do "monstro" que assombra a atualidade. Artista passa os dias na Residência Artística da Casa do Vinho Verde, no Porto, a tentar ilustrar o novo coronavírus com pinturas de bichos horríveis.

Arte

Pintor Agostinho Santos foi à procura de um rosto para o novo coronavírus

Pintor Agostinho Santos foi à procura de um rosto para o novo coronavírus

Agostinho Santos pintou um mural com cerca de seis metros. A obra chama-se "Estado de Emergência à procura de um rosto para o malvado do coronavírus".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG