Imagens

Últimas

Exclusivo

Exército russo diz ter abatido 19 portugueses. Governo não tem registo de mortes

O Ministério da Defesa russo alegou esta sexta-feira que, dos cerca de 7 mil combatentes estrangeiros na Ucrânia, 68 são portugueses e que 19 foram mortos pelas forças russas. Em resposta ao JN, o Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) português diz ter apenas "o registo de 7 cidadãos nacionais" que contactaram os serviços do MNE "informando da sua deslocação para a Ucrânia a título de "combatente voluntário"" e que "não há registo de mortes".