Viagens complicadas? Simplifique, vá de comboio!

Viagens complicadas? Simplifique, vá de comboio!
Produzido por:

Chegar ao destino às primeiras horas da manhã, com o máximo conforto, sem filas nem confusão, por um preço bastante atrativo, só ou na companhia de amigos ou da família. É isto e muito mais o que o espera nos comboios Sud Expresso e Lusitânia Comboio Hotel.

Ideais para jovens aventureiros devido à flexibilidade permitida e custos acessíveis ou até mesmo para famílias com crianças, às quais o comboio permite uma maior liberdade de movimentos.

A possibilidade de reservar cama é também uma vantagem para quem se desloca por motivos profissionais, que pode assim chegar mais descansado ou até mesmo com trabalho adiantado. Esta é também uma vantagem para pessoas no auge da idade, que podem desfrutar da viagem com tranquilidade. Estas e muitas outras razões fazem com que os comboios internacionais estejam a conquistar um número crescente de passageiros.

Viajar de comboio é uma opção prática, sempre com um certo toque de nostalgia, basta pensar que é chegar e embarcar, o limite de bagagem é flexível, embora viajar com pouco peso seja sempre boa opção. Pode circular livremente, uma mais-valia para quem tem crianças, parar na carruagem-bar para comer e/ou tomar uma bebida. Pode dormir embalado pelo ritmo do comboio, ou até tomar duche, dependendo do tipo de bilhete adquirido. E se for em trabalho, pode ainda aproveitar para organizar e preparar trabalho.

Viajar de comboio dá-lhe ainda a possibilidade de travar novos conhecimentos e amizades e, durante o dia, desfrutar da paisagem.

Com partida e chegada de Lisboa

Trata-se do Sud Expresso e do Lusitânia Comboio Hotel que partem diariamente de Lisboa com destino a Hendaye e Madrid, respetivamente (o Sud Expresso tem ligação ao comboio de Alta Velocidade francês - "TGV-Atlantique" que circula entre a fronteira franco-espanhola e Paris). Ambas as viagens são feitas de noite, chegando de manhã ao destino a horas de desfrutar o dia ou prolongar a estadia e/ou a viagem se quiser, o que os torna ideais para fins de semana fora, escapadelas e mesmo férias prolongadas. O facto de a viagem ser feita durante a noite permite dormir nos lugares sentados ou, se preferir, nas carruagens com camas e duche. Por este motivo é também uma opção bastante prática para quem viaja com crianças.

Ambos os comboios têm também uma ligação InterRegional de/para o norte do país no percurso Porto Campanhã/Coimbra B/Porto Campanhã.

Lusitânia Comboio Hotel - Lisboa-Madrid

Chegado à estação de Chamartín, em Madrid, pode apanhar o Metro, uma das opções mais práticas para se deslocar na capital espanhola e que o leva a praticamente todos os pontos de interesse da cidade, dos museus e monumentos aos parques de atrações, lojas, restaurantes e bares.

A Puerta del Sol - o km 0 - é um bom ponto de partida para descobrir Madrid. É daqui que saem todas as estradas. Aqui encontra ainda a estátua do urso e do medronheiro, emblema da cidade. A Gran Vía é outro dos eixos centrais a percorrer tal como Recoletos-Castellana, que pode fazer de autocarro público, convém ir subindo e descendo, ou no Madrid City Tour.

O Paseo del Prado, onde se reúnem três dos mais importantes museus de Espanha, e do mundo - o Prado, o Thyssen e o Museu Nacional Centro de Arte Reina Sofía. Se a estadia for curta, terá de eleger um deles, a não ser que o motivo seja apenas esse, caso contrário será quase impossível.

O Parque del Retiro, o pulmão da cidade, é outra das paragens obrigatórias: além da frescura proporcionada pelas árvores e vegetação, abriga o Palácio de Cristal, considerado um dos edifícios mais bonitos da zona.

Para uma panorâmica a 360º privilegiada da cidade, nada melhor do que o Mirador Centrocentro, aproveitando depois para conhecer o Palácio Cibeles, onde se encontra instalado o que hoje é o edifício da câmara.

Para os mais novos e não só, o Parque de Atrações e o Parque Warner são programas a contemplar.

Ao domingo, não perca o Rastro, um mercado onde encontra desde roupa a antiguidades, artesanato, livros, etc. Como aqui se concentra muita gente, é conveniente redobrar a atenção aos seus bens pessoais.

Com tempo não deixe de visitar a Plaza Mayor, a Madrid dos Astúrias, onde se concentram as ruas mais antigas da cidade, o Teatro Real, a catedral de Almudena, o Templo de Debod, um templo oferecido pelo governo egípcio.

Pelo meio, reserve tempo para se deliciar com as tapas servidas um pouco por toda a cidade, acompanhadas de uma imperial ou de um copo de sidra, porque não?

Madrid não se esgota minimamente por aqui, (re)descobrindo-se a cada canto e em cada viagem. Ponha-a na sua agenda. Prometemos que não vai arrepender-se.

Sud Expresso - Lisboa-Hendaye, com paragem em Burgos e em Ávila

Fundada como fortaleza, no século IX, Burgos conta atualmente com três locais declarados Património da Humanidade - a catedral gótica, o caminho francês de Santiago e as jazidas de Atapuerca -, todos eles merecedores de uma visita.

Se começar pela catedral, encontrará por perto a ponte pedonal que dá acesso à que foi a porta principal da antiga cidade muralhada, o arco de Santa Maria.

Entre os ex-líbris desta cidade está também o Paseo del Espolon, ao longo do qual encontrará estátuas de 4 reis, o Teatro Principal, o Templete e a Casa Consulado del Mar. Outro paseo a não perder é o de la Isla, convertido num jardim botânico de enorme beleza natural.

Para os apreciadores de museus, Burgos tem uma boa oferta, nomeadamente o Museu da Evolução Humana, o Centro de Arte Contemporáneo Caja de Burgos, o Museu de Burgos e o Museu do Livro.

Um pouco mais distantes do centro da cidade, encontra a Cartuja de Miraflores, antigo palácio de recreio de Henrique II, habitado por monges cartuxos, e o Mosteiro de las Huelgas, lar das monjas de Cister ou cistercienses.

Parques naturais, paisagens deslumbrantes, cascatas são outros dos pontos altos desta zona. Deixe-se perder e surpreender com a beleza natural de Burgos, serão muitas as fotos que trará para recordar. Como destino gastronómico, Burgos tem muito para oferecer, afinal quem não ouviu já falar da famosa morcela da cidade. A olla podrida, um cozido com feijão encarnado, morcela, carne e legumes, cordeiro (lechazo) e o doce do avô, que é queijo fresco de Burgos, com mel e nozes ou marmelada.

Conhecida pelas muralhas que se mantiveram intactas até agora, Ávila tem muito para oferecer aos seus visitantes, a começar pelas gemas de Ávila, uma especialidade para os mais gulosos. A catedral na zona alta da cidade, é um bom ponto de partida para a visita. Pode também começar pelos quatro postes, para uma vista cinco estrelas das muralhas.

Descendo pelas ruas que levam à catedral encontra a Plaza del Mercado Chico, que reúne a câmara e outros edifícios administrativos. Segue-se a Plaza del Mercado Grande, com a Porta del Alcázar, a Igreja de São Pedro Justo e várias lojas. Entre os monumentos que pode visitar, encontram-se o Convento e Museu de Santa Teresa, a Basílica de São Vicente e a porta del Carmen, por exemplo.

Imprescindível é mesmo reservar tempo para saborear uns pinchos (tapas) acompanhados de um copo de vinho, cerveja ou outra bebida fresca. Bom proveito!