Futebol

A. F. Porto define os moldes para a retoma das competições 

A. F. Porto define os moldes para a retoma das competições 

Para o regresso das provas de futebol, no fim de semana de 8 e 9 de maio, a A. F. Porto definiu que o ingresso será opcional, mantendo as subidas mas cancelando as descidas de divisão.

Os clubes que não queiram participar devem manifestar a sua vontade, impreterivelmente, até ao próximo dia 11. Vão passar a ser permitidas sete substituições.

Após muita ponderação a A. F. Porto definiu que após o início de uma preparação, que começa no dia 19 de abril, os clubes vão ter a opção de participar, ou não, no regresso das competições distritais de futebol. A época mantém o fim programado para 30 de junho e caso os emblemas não pretendam continuar irão terminar a temporada com os mesmos pontos que possuem atualmente, caso não queiram têm de manifestar a sua decisão até ao dia 11 de abril.

O recomeço, no fim de semana de 8 e 9 de maio, não contempla descidas de divisão mas vão ser aplicadas as subidas e será definido o campeão, sendo que no resto de 2020/21 vai ser permitido passar a fazer sete substituições por jogo. Independentemente de os emblemas participarem ou não, na altura em que as competições forem suspensas, os que não tiverem disputado a totalidade de encontros previstos terão a sua pontuação e classificação corrigida pela aplicação de coeficiente de pontos divididos pelo número de jogos efetuados.

Para a taça A. F. Porto serão sorteados dois clubes de cada divisão (um por série) e quando forem selecionados os oito emblemas, serão novamente tirados à sorte os quatro que vão disputar as meias finais e a consequente final. Estas regras estão sujeitas a revisão, dependendo da evolução da situação epidemiológica em Portugal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG