Futebol

Adeptos ingleses em pé nos estádios a partir de janeiro

Adeptos ingleses em pé nos estádios a partir de janeiro

Os clubes da Premier League poderão a partir de janeiro ter adeptos em pé em zonas definidas, situação proibida desde 1989, num programa-teste da autoridade responsável pelos estádios ingleses (SGSA), anunciou esta quarta-feira o organismo.

A medida também se aplica ao Championship e todos os clubes interessados em participar têm até 6 de outubro para apresentar as respetivas candidaturas.

Os clubes que tiverem os seus projetos aprovados poderão ter adeptos em pé num lugar próprio dos respetivos estádios a partir de janeiro do próximo ano e até final da atual temporada.

A SGSA explicou que, para os clubes terem as candidaturas aprovadas, o local para adeptos em pé não pode obstruir a visão de restantes pessoas no estádio e que deve ser estabelecido um código de conduta para quem quiser ter um lugar nessa bancada.

O organismo acrescentou que no fim da época uma comissão independente vai estudar e tirar as devidas conclusões do programa teste, com objetivo de, em 2022/23, mais clubes e mais estádios poderem ter locais definidos para adeptos em pé.

Em 1989, após o desastre de Hillsborough, que resultou em 97 mortos, após um esmagamento da multidão no início de uma partida entre Liverpool e Nottingham Forest, todas as bancadas com adeptos em pé foram proibidas nos estádios ingleses e galeses.

Três anos depois, a medida passou a ser apenas aplicada nas duas principais divisões inglesas.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG