Desporto

Advogado de Armstrong quer que agencia antidoping entregue processo completo à UCI

Advogado de Armstrong quer que agencia antidoping entregue processo completo à UCI

O advogado de Lance Armstrong enviou uma carta à Agência Antidopagem dos Estados Unidos (USADA), em que apela à instituição para entregar todo o processo contra o antigo corredor norte-americano à União Ciclista Internacional (UCI).

De acordo com a France Press, Tim Herman acusa a USADA de ter sido "promotor, juiz, júri, tribunal de recurso e executor" na decisão de irradiar Lance Armstrong, que teve por base "uma versão parcial, tendenciosa e não comprovada dos acontecimentos".

Na carta, o advogado pede à instituição para enviar o processo completo contra o norte-americano à UCI e não um resumo dos factos que levaram à perda das sete vitórias na Volta a França do ex-líder da US Postal.

A USADA deverá enviar esta semana o "dossier" contra o antigo ciclista de 41 anos à UCI, no qual constam depoimentos de, pelo menos, dez testemunhas, algumas das quais são antigos colegas, que contam como Armstrong usar substâncias dopantes.

A UCI queixou-se, a 27 de setembro, da demora na entrega do relatório relativo à suspensão vitalícia de Lance Armstrong.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG