Andebol

Alfredo Quintana internado nos Cuidados Intensivos do São João

Alfredo Quintana internado nos Cuidados Intensivos do São João

O guarda-redes de andebol do F. C. Porto está internado na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital de São João. Alfredo Quintana sofreu uma paragem cardíaca durante um treino da equipa.

Esta terça-feira o clube portuense dedicou parte da newsletter diária ao drama vivido pelo atleta,

"O pensamento de todos no FC Porto está com Alfredo Quintana, que ontem sofreu uma paragem cardiorrespiratória quando se preparava para começar mais um treino no Dragão Arena. O guarda-redes da equipa de andebol foi reanimado e estabilizado no local e transportado para o Hospital de São João, onde se encontra internado na Unidade de Cuidados Intensivos", é a informação revelada na newsletter "Dragões Diários".

Após a vitória sobre o Marítimo, a equipa de futebol azul e branca dedicou o triunfo ao jogador de andebol. Sérgio Conceição deixou "um abraço à família do Alfredo Quintana" e pediu que todos rezem por ele nesta altura difícil. Esta situação gerou uma onda de solidariedade no mundo do futebol, com vários clubes nacionais a desejarem as melhoras do luso-cubano.

Segundo apurou o JN, tudo ocorreu logo no início do treino, quando os jogadores da equipa de andebol se recreavam a jogar futsal, no Dragão Arena. De repente, Quintana caiu inanimado no chão. Numa primeira fase, todos pensaram que era mais uma brincadeira do guarda-redes. Não era. Foi chamado o INEM e o desfibrilador entrou logo em ação. Quintana foi acompanhado, na ambulância, por um elemento do corpo clínico portista.

Ao JN, Augusto Roxo, médico da seleção portuguesa de andebol, explicou que Alfredo Quintana "é um grande atleta também a nível fisiológico", por isso, mostrou-se surpreendido com esta paragem cardiorrespiratória. "Ele está bem entregue aos cuidados dos colegas do Hospital de S. João", sublinhou, deixando palavras de "força e esperança" à família do guarda-redes de andebol.

PUB

Alfredo Quintana é jogador do F. C. Porto desde 2010.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG