Futebol Feminino

Aminata Diallo libertada após interrogatório sobre agressões a colega de equipa

Aminata Diallo libertada após interrogatório sobre agressões a colega de equipa

A internacional francesa Aminata Diallo, jogadora do PSG que se encontrava detida para interrogatório na sequência do assalto à companheira de equipa, Kheira Hamraoui, foi libertada esta quinta-feira, avançou o Ministério Público gaulês.

Uma amiga de Aminata Diallo, que estava detida em Lyon, depois de interrogada acerca do caso das agressões a Kheira Hamraoui, também foi libertada, informou a promotora Maryvonne Caillibotte.

Aminata Diallo tinha sido detida na quarta-feira para interrogatório, por suspeita de ter contratado dois homens para atacarem Kheira Hamraoui, colega de equipa e de seleção.

"O Paris Saint-Germain informa da detenção policial para interrogatório de Aminata Diallo, na sequência de uma investigação aberta após um ataque levado a cabo na quinta-feira à noite, após um encontro de jogadoras do clube", referiu o clube, em comunicado.

De acordo com o jornal francês L'Équipe, a média Aminata Diallo terá organizado um ataque violento contra a colega de equipa, que joga na mesma posição, levado a cabo na quinta-feira à noite, após um jantar entre atletas e equipa técnica.

O jornal explica que, nessa noite, Kheira Hamraoui, que apanhou boleia com Diallo, foi agredida por dois homens encapuzados, que a obrigaram a sair do carro e lhe bateram nas pernas, causando vários ferimentos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG