Porto

Concorrente de peso do empresário Jorge Mendes abre escritório no Porto

José Pedro Gomes

Johnathan Barnett, Clemente Araújo e Michael Reschke

Foto Leonel De Castro/ Global Imagem

Multinacional ICM Stellar quer dominar mercado português de agenciamento de futebolistas com foco nos jovens talentos da formação. Presidente da empresa Jonathan Barnett esteve na inauguração da delegação.

A escassos quilómetros do escritório do empresário Jorge Mendes, na cidade do Porto, há um novo concorrente de peso no apetecível mercado de agenciamento de jogadores de futebol. A ICM Stellar, uma das maiores empresas mundiais no ramo, com uma carteira com mais de 400 atletas, avaliados em 1.430 milhões de euros, decidiu abrir uma delegação em Portugal, apontado como a principal objetivo de "caçar jovens talentos" e a aproveitar "a tradição do país em exportar bons jogadores para todo mundo".

Na inauguração dos escritórios da empresa esteve o seu presidente executivo, o britânico Jonathan Barnnet, que, entre outros, gere as carreiras de estrelas como Gareth Bale, Jack Grelish ou Eduardo Camavinga. "Não queremos apenas tratar de contratos. Cuidamos do bem-estar dos atletas ao longo das carreiras, e asseguramo-nos que, quando eles se retirarem, o façam em segurança e não acabem falidos", disse o empresário, de 72 anos.

Atualmente a ICM Stellar já agencia mais de 44 jogadores portugueses, sobretudo atletas de formação, mas Barnett quer ainda mais. "O nosso objetivo é ser a maior agência de Portugal. Sei que o Jorge Mendes, que é meu amigo, domina o mercado aqui, mas no futuro vamos ver...", confidenciou ao JN.

A liderar o ramo português da ICM Stellar estará Clemente Araújo, que frisou que a abertura destas instalações da empresa, na cidade do Porto, "atesta a importância que é dada ao mercado nacional".

"Toda a gente sabe que Portugal é um país exportador de talentos no futebol, a ICM Stellar quer estar bem posicionada neste mercado. A estratégia é reinar no setor a nível global, e o nosso país é uma peça importante", partilhou o empresário português.

Clemente Araújo irá liderar uma equipa de nove pessoas, em áreas como análise, comunicação, psicologia e nutricionismo, colocando o foco no "acompanhamento e valorização de jovens jogadores".

"Já temos mais de 40 jogadores em Portugal, sobretudo na vertente de formação, com uma média de idade de 19 anos. Não só é nos grandes clubes que há qualidade, estamos atentos a todos, porque há oportunidades em todo lado", apontou o responsável.

Entre os jogadores portugueses que estão, atualmente, sob a égide da ICM Stellar surgem o internacional José Fonte (Lille) e o seu irmão Rui (Estoril Praia), ou os jovens Bernardo Vital (Estoril Praia), Tiago Gouveia (Benfica) ou Vasco Sousa (F. C. Porto).