Incidente

Árbitro de Ourique sentiu-se mal durante jogo de futebol com amigos e morreu

Árbitro de Ourique sentiu-se mal durante jogo de futebol com amigos e morreu

Um árbitro de Ourique morreu este sábado, ao fim da tarde, durante um jogo de futebol com amigos, após sentir-se mal e sofrer uma paragem cardiorrespiratória. César Leitão, de 33 anos, era mediador de seguros e árbitro da Associação de Futebol de Beja.

César estava a jogar futebol com amigos, por volta das 19 horas, na Aldeia dos Palheiros, em Ourique, quando, a certa altura, lhes disse que se estava a sentir mal e decidiu parar. Pouco depois, caiu inanimado e morreu no local.

"O homem estava a praticar desporto com os amigos e saiu, depois caiu inanimado e fez paragem cardiorrespiratória", disse ao JN o comandante dos Bombeiros de Ourique, Mário Batista. O óbito foi declarado no local.

O alerta foi dado às 18.52 horas e, além daquela corporação de bombeiros, estiveram no local a SIV de Castro Verde e a VMER de Beja.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG