Futebol

Assistente atingida por remate não gostava de Cristiano Ronaldo

Assistente atingida por remate não gostava de Cristiano Ronaldo

A assistente que foi atingida com uma bola por Cristiano Ronaldo, durante o aquecimento do jogo contra o Young Boys da passada terça-feira, revelou que não gostava do português devido a um incidente de 2014.

"Não sabia bem quem ele era. Disse-lhe 'o jogo já terminou, se você fica a correr aqui no campo nós não vamos embora'. Ele continuou e eu já estava muito cansada, ele mandou-me falar com o treinador. Voltei e disse 'vai terminar ou não? Aqui é a Suíça, querido'. Ele mandou-me ir para aquele sítio e eu pensei 'que tipo grosso'", revelou Marisa Nobile, em declarações ao Globoesporte, sobre a troca de palavras em 2014.

A assistente explicou que, até ao dia do jogo, não gostava de Cristiano mas que depois do incidente percebeu que ele é "totalmente outra pessoa". "Ele segurou a minha mão, fez-me um carinho no rosto a perguntar se eu estava bem. 'Se é mesmo minha fã, vou-lhe dar a minha camisola autografada depois do jogo'. Eu perguntei 'suada?', e ele respondeu 'suada!'", concluiu.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG