Liga dos Campeões

Benfica à procura dos milhões em derradeira eliminatória com Dínamo Kiev

Benfica à procura dos milhões em derradeira eliminatória com Dínamo Kiev

O Benfica inicia, na quarta-feira, a decisiva eliminatória de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões, ao visitar o Dínamo Kiev, em "casa emprestada", na primeira mão do play-off.

Depois de se imporem sem problemas de maior aos dinamarqueses do Midtjylland, com triunfos por 4-1 (primeira mão) e 3-1 (segunda) na terceira pré-eliminatória, os encarnados terão agora pela frente um adversário de maior valia, com o qual se cruzaram na época passada, então na fase de grupos da prova milionária, registando um nulo em Kiev (0-0) e uma vitória na Luz (2-0).

Face à guerra na Ucrânia, o encontro da primeira mão do play-off terá lugar em Lodz, na Polónia, onde a formação de Roger Schmidt tentará não só manter o pleno de vitórias na presente temporada, como dar um passo importante que lhe permita, na próxima semana, em Lisboa, assegurar um lugar entre a elite europeia, em que já estão o campeão nacional F. C. Porto e o vice Sporting.

PUB

Em quatro jogos oficiais em 2022/23, as águias somam outros tantos triunfos, sendo que, além dos encontros com o Midtjylland, também venceram as duas partidas já disputadas para o campeonato, a primeira com o Arouca (4-0) e, no sábado, com o Casa Pia, em que lhes valeu um golo solitário de Gonçalo Ramos (1-0).

O avançado tem sido a principal arma ofensiva do Benfica, com quatro golos assinados até ao momento - três dos quais diante dos nórdicos -, sendo bem secundado pelo médio argentino Enzo Fernández, que se tem destacado não só pelos tentos (três) apontados nesta primeira experiência fora da Argentina, como pela forma como já se assumiu, claramente, como o "motor"' do meio-campo benfiquista.

O brasileiro David Neres, que vinha sendo outro dos destaques encarnados, falhou as duas últimas partidas, devido a problemas físicos, mantendo-se a dúvida sobre a sua utilização em Lodz. De resto, a ausência do extremo fez-se notar na Dinamarca e, sobretudo, em Leiria, tendo em conta a capacidade de desequilíbrio que o internacional canarinho oferece pela faixa.

Com o adiamento do encontro com o Paços de Ferreira, da terceira jornada da Liga, para 30 de agosto, o Benfica vai enfrentar os dois jogos do "play-off" de forma folgada, sem qualquer partida pelo meio, o mesmo sucedendo com o Dinamo Kiev, uma vez que o campeonato ucraniano apenas deverá arrancar no final deste mês.

A equipa comandada pelo experiente Mircea Lucescu chega a esta fase preliminar depois de eliminar os turcos do Fenerbahçe, de Jorge Jesus, e os austríacos do Sturm Graz, em ambos os casos 'carimbando' a passagem com recurso ao prolongamento.

Na segunda pré-eliminatória, os ucranianos empataram 0-0 em Lodz e venceram por 2-1 na Turquia, e na terceira pré-eliminatória triunfaram por 1-0 na primeira mão e por 2-1 na Áustria.

Benfica e Dinamo Kiev jogam na quarta-feira, a partir das 20:00 (hora de Lisboa), em Lodz, na primeira mão do "play-off", enquanto o encontro da segunda mão está agendado para 23 de agosto, à mesma hora, no Estádio da Luz, em Lisboa.

O "play-off" de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões inclui ainda os duelos Bodo/Glimt-Dinamo Zagreb, Copenhaga-Trabzonspor, Rangers-PSV, Qarabag-Viktoria Plzen e Maccabi Haifa-Estrela Vermelha.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG