O Jogo ao Vivo

SLB

Benfica aguarda punições a Lisandro e Bruno Alves

Benfica aguarda punições a Lisandro e Bruno Alves

A polémica relativa ao clássico está longe de terminar. O Benfica aguarda que a Comissão Disciplinar da Liga puna Lisandro López por simulação de grande penalidade, e Bruno Alves, por tentativa de agressão a David Suazo.

No caso do lance que daria origem ao empate, as águias lembram o Artigo 122.º, ponto dois, alínea a) do Regulamento Disciplinar quer versa sobre punições para o jogador que "provoque uma decisão errada (...) por ter simulado de forma evidente falta inexistente que conduza à marcação de uma grande penalidade a favor da sua equipa, com benefício para a sua equipa na atribuição final dos pontos em disputa". Nesta situação, o atleta em questão será, teoricamente, suspenso por um jogo, defendem os lisboetas.

Os encarnados também utilizam o relatório de Pedro Proença para impedirem que a Comissão Disciplinar, ou o F. C. Porto, argumentem que o árbitro tomou em consideração o braço de Yebda para assinalar a infracção. O juiz marcou falta, pode ler-se, porque "Yebda rasteirou um adversário, cortando um ataque prometedor". "O nosso clube não vai pedir nada. Mas o lance é tão evidente que a Liga tem de agir", afirmou o director de comunicação, João Gabriel, em declarações ao JN.

Noutro contexto, o Benfica espera, igualmente, que Bruno Alves seja alvo de um processo sumaríssimo. Segundo as águias, num lance da primeira parte, o defesa puxa a perna direita atrás na direcção de David Suazo. Um caso enquadrado, argumenta o Benfica, no Artigo 172.º, que prevê a suspensão de um futebolista, após tentativa de agressão. Ainda sobre o jogo de domingo, o Benfica deseja Pedro Proença fora dos jogos do clube até ao final da temporada, tendo em conta os erros graves protagonizados ao longo das últimas campanhas.

Entretanto, Luisão, Di María e Miguel Vítor já treinaram ontem à tarde no Seixal, depois de terem representado, nos últimos dias, as respectivas selecções. Faltam cinco elementos para o grupo de Quique ficar completo. Suazo, Maxi, Urreta, Binya e Katsouranis apenas regressam hoje a Portugal, estando prevista a sua presença na sessão de trabalho. Realiza-se às 17 horas e será o penúltimo apronto antes da recepção ao Paços de Ferreira, partida a disputar depois de manhã (20.45 horas/Sport TV 1). Maxi, castigado, será substituído por Miguel Vítor. Em risco para Alvalade, Luisão e Yebda não poderão ver cartões.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG