Futebol

Benfica B - F. C. Porto B termina com os ânimos exaltados

Benfica B - F. C. Porto B termina com os ânimos exaltados

O jogo entre os dois rivais terminou com os ânimos muito exaltados. No final do jogo, os jogadores das duas equipas envolveram-se em várias picardias. Confira as fotografias.

O Benfica B venceu o F. C. Porto B, por 2-1, no Seixal, num jogo muito rasgadinho e quente no fim, permitindo aos dragões, apesar da derrota, evitar a descida ao Campeonato de Portugal. Mal o árbitro deu o jogo por terminado, os ânimos estiveram muito exaltados entre os jogadores das duas equipas, levando os dois treinadores, Nélson Veríssimo e António Folha, do Benfica B e do F. C. Porto, respetivamente, a terem de afastar os futebolistas. A PSP também teve de intervir.

Os dragões entraram com oito jogadores que trabalham diariamente no plantel de Sérgio Conceição (apenas Rodrigo Conceição, oão Marcelo e N' Diaye eram efetivamente da equipa B), mas não conseguiu evitar a reviravolta dos encarnados, na segunda parte, depois de ter ido para o intervalo em vantagem.

A artilharia pesada dos visitantes estava a dar frutos na primeira parte e, aos 38 minutos, numa incursão de Francisco Conceição do flanco para o interior, o extremo desmarcou João Mário dentro da grande área para fazer, com tranquilidade, o primeiro golo da partida.

Os dragões só não chegaram ao intervalo com uma vantagem mais dilatada, porque, já nos descontos da primeira parte, após mais um lance de Rodrigo Conceição, João Ferreira foi providencial a evitar que Evanilson (45+1) empurrasse a bola para a baliza.

O Benfica, no entanto, veio transfigurado para melhor na segunda parte e empatou logo a abrir, quando Úmaro Embaló, descaído sobre a direita, fez um cruzamento que atravessou toda a grande área até à cabeça de Tiago Gouveia (48), que apareceu solto de marcação, ao segundo poste, para empurrar para as redes.

O golo animou ainda mais a equipa de Nelson Veríssimo e já depois de Úmaro Embaló (51) atirar ao poste de Diogo Costa, foi o médio Diogo Mendes (72) que, num canto batido por Frimpong, ganhou nas alturas a Evanilson e a João Marcelo para dar a vitória aos 'encarnados'.

PUB

Até ao final, o F. C. Porto B, apesar de saber que os resultados nos outros campos lhe eram favoráveis, procurou a igualdade, mas sem discernimento, e desperdiçou ocasiões por Rodrigo Conceição (89), que permitiu a defesa de Svilar, e por Evanilson (90+6), que cabeceou muito por cima, quando tinha condições para fazer melhor.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG