Hóquei em Patins

Benfica goleia Sporting com remontada no nacional

Benfica goleia Sporting com remontada no nacional

O Benfica goleou, esta quarta-feira, o Sporting por 5-1, com bis de Pablo Alvarez e Nil Roca, num encontro da segunda jornada da fase regular do campeonato nacional de hóquei em patins em que perdia ao intervalo.

O Sporting adiantou-se no marcador por intermédio de Toni Pérez, aos 21 minutos, mas, na segunda parte, Pablo Álvarez, aos 26 e 33 minutos, Nil Roca, aos 34 e 42, Lucas Ordoñez, aos 47, selaram a reviravolta.

O início de jogo até foi muito dividido. A primeira jogada de perigo pertenceu ao benfiquista Edu Lamas, aos seis minutos, mas o guarda-redes Ângelo Girão esteve em bom plano e defendeu.

PUB

As duas equipas procuravam superiorizar-se e, com o intuito de manter os jogadores frescos, o treinador do Sporting, Alejandro Domínguez, começou a rodar muito cedo a equipa, o que trouxe mais intensidade ao encontro.

O Benfica mantinha os olhos postos na baliza leonina e, aos 20 minutos, foi a vez de Pablo Álvarez testar os reflexos de Ângelo Girão, até que, aos 22, o Sporting inaugurou o marcador, por Toni Pérez, que recebeu a bola de Gonzalo Romero, e, à boca da baliza, apenas teve de a desviar e bater o guarda-redes Pedro Henriques.

Nicolía, a 26 segundos do intervalo, teve a oportunidade de igualar a partida, de livre direto, depois do Sporting ter atingido a 10.ª falta, mas o inevitável Ângelo Girão voltou a negar o golo aos encarnados.

Os comandados de Nuno Resende não poderiam ter melhor entrada no segundo tempo, já que Pablo Álvarez viria a empatar, aos 26 minutos, depois de uma jogada de insistência, em que fez passar a bola por entre as pernas de um adversário, ficando depois em posição de remate, perante um impotente Girão.

O Sporting pareceu acusar o golo sofrido, encolheu-se no campo e, aos 31 minutos, Ângelo Girão esteve novamente em evidência, ao defender um livre direto, cobrado por Álvarez, depois do Sporting chegar à 15.ª falta no segundo tempo.

Álvarez, servido do flanco direito por Nicolía, acabou por marcar aos 33 minutos, numa jogada de contra-ataque iniciada por Pedro Henriques, e numa altura em que o Sporting tinha um jogador a menos, fruto da exclusão de Toni Pérez.

Ainda o Sporting não tinha digerido o golo sofrido e já Nil Roca estava a ampliar a contagem, sendo que, aos 42 minutos viria a 'bisar', depois de uma primeira defesa de Ângelo Girão na sequência de um livre apontado por Lucas Ordoñez.

Curiosamente, foi precisamente este hoquista que viria a fazer o 5-1, aos 47 minutos, e a selar o resultado final.

Ficha de jogo:

Jogo no Pavilhão Fidelidade, no Estádio da Luz, em Lisboa

Benfica - Sporting, 5-1

Ao intervalo: 0-1

Marcadores:

0-1, Toni Pérez, 21 minutos; 1-1, Pablo Álvarez, 26; 2-1, Pablo Álvarez, 33; 3-1, Nil Roca, 34; 4-1, Nil Roca, 42; 5-1, Lucas Ordoñez, 47.

Sob a arbitragem de Joaquim Pinto e João Catrapona, as equipas alinharam:

Benfica: Pedro Henriques, Edu Lamas, Pablo Alvarez, Nil Roca e Roberto Benedetto. Jogaram ainda Diogo Rafael, Nicolía, Lucas Ordoñez e Gonçalo Pinto

Treinador: Nuno Resende

Sporting: Ângelo Girão, Alessandro Verona, Matias Platero, Toni Pérez e Gonzalo Romero. Jogaram ainda João Almeida, Ferrant Font, João Souto e Henrique Magalhães

Treinador: Alejando Domínguez

Assistência: Cerca de 1.400 espetadores

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG