O Jogo ao Vivo

Voleibol

Benfica impõe primeira derrota ao Sporting

Benfica impõe primeira derrota ao Sporting

O líder Benfica venceu, este sábado, o Sporting por 3-1, com os parciais de 26-24, 25-18, 18-25 e 25-15, na sétima jornada da primeira fase do campeonato nacional, disputado no Pavilhão Rocha, em Lisboa.

O Benfica lidera a classificação, só com vitórias, e os leões, que têm menos dois jogos, sofreram a primeira derrota na prova, a segunda com os 'encarnados' nesta época, que bateram o rival lisboeta nas meias-finais da Supertaça, por 3-2.

O Sporting esteve bem durante grande parte do primeiro set e parecia que o ia ganhar quando fez 21-17 a seu favor. A partir daqui, porém, o Benfica recompôs-se, subiu de rendimento, encurtou a distância pontual, empatou aos 23-23 e conseguiu fechar o parcial a seu favor (26-24).

Essa reviravolta causou mossa no Sporting, que entrou mal no set seguinte e permitiu que o Benfica comandasse o marcador até ao fim e com vantagens que oscilaram entre os dois e os três pontos. Depois, o Sporting falhou um serviço e o Benfica acelerou e venceu por 25-18, com Raphael Oliveira em bom plano.

Em desvantagem e muito pressionado, o Sporting partiu para o terceiro set com o veterano Miguel Maia (49 anos) em campo e a equipa ganhou consistência e mais qualidade nos momentos ofensivos. A equipa leonina dominou este parcial e, com o Benfica menos eficaz, triunfou por 25-18.

Os encarnados reagiram no quarto parcial, começaram logo a ganhar e conquistaram três pontos de avanço (11-8) ante um Sporting que foi perdendo fulgor, lucidez e ânimo.

Com uma equipa experiente e consolidada, ao contrário da dos 'leões', que esta época sofreu muitas alterações, o Benfica impôs-se claramente.

O Sporting pagou caro os muitos erros não forçados e o Benfica não perdoou, vencendo o set por categórico 25-15 e o jogo em menos de duas horas, sendo de destacar o bom desempenho de Marc Honoré, sobretudo a nível ofensivo, além de Raphael Oliveira.

Ficha de jogo:

Jogo no Pavilhão João Rocha, em Lisboa

Sporting - Benfica, 1-3

Parciais: 24-26, 18-25, 25-18 e 15-25

Sob a arbitragem de Michelle Ferreira e Sérgio Pereira, as equipas alinharam:

Sporting: Victor Hugo, Paulo Victor, Robison Dvoranen, Renan Purificação, Bruno Alves, Hélio Sanches e Gil Meireles (líbero) Jogaram ainda: André Saliba, José Fidalgo, Miguel Maia, José Rojas e Éder Levi

Treinador: Gerson Amorim

Benfica: Raphael Oliveira, Peter Wohlfarhrststatter, Marc Honoré, Hugo Gaspar, Tiago Violas, André Aleixo e Ivo Casas (líbero). Jogaram ainda: André Lopes, Theo Lopes, Nuno Pinheiro e Zelão

Treinador: Marcel Matz

Assistência: Jogo realizado à porta fechada devido à pandemia da covid-19

Outras Notícias