Desporto

Benfica pede 14 milhões a Jorge Jesus em Tribunal

Benfica pede 14 milhões a Jorge Jesus em Tribunal

A SAD do Benfica apresentou, no Tribunal do Barreiro, a prometida ação judicial contra Jorge Jesus, na qual reclama uma indemnização de 14 milhões de euros ao agora treinador do Sporting.

Os encarnados entendem que o técnico começou a trabalhar para os leões numa altura em que o contrato com o Benfica ainda estaria em vigor. O vínculo terminou no final do de junho.

O processo com o n.º 3587/15 OT8BRR surge numa altura em que as relações entre Benfica e Sporting estão extremadas e promete dar muito o que falar. O JN teve acesso à nota de distribuição da ação contra Jorge Jesus, na qual consta o valor do pedido de indemnização: 14 milhões de euros.

PUB

Bruno de Carvalho, presidente do Sporting, referiu, esta quarta-feira, que do Benfica já espera tudo e apenas faltaria o processo a Jorge Jesus. Pois bem, na antecâmara da visita dos leões ao Estádio da Luz - os clubes defrontam-se no domingo, dia 25, em duelo do campeonato - aí está a prometida ação judicial.

Outro dado interessantes reside no facto de, inicialmente, ter sido avançado um valor de indemnização de 7,5 milhões de euros, mas, afinal, a verba exigida pelo Benfica é quase o dobro. Para além deste processo, também Jorge Jesus reclama do Benfica o último mês de ordenado (mais de 300 mil euros), que as águias se recusaram a liquidar, precisamente por entenderem que o treinador já estava a trabalhar para o Sporting antes do final do vínculo.

Os últimos dias têm sido pródigos em ataques entre os rivais, tendo como palco privilegiado a televisão e o programa Prolongamento, da TVI24, onde o presidente do Sporting denunciou ofertas do Benfica aos árbitros, delegados e observadores. Revelação que já se encontra a ser investigada pelo Ministério Público e pela justiça desportiva.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG