corrupção

Blatter diz que vai para o céu

Blatter diz que vai para o céu

Joseph Blatter, presidente demissionário da FIFA, garantiu mais uma vez que nada tem a ver com o escândalo de subornos em volta da organização que tutela o futebol mundial. O suíço usou da fé para clamar inocência.

"Sou uma pessoa religiosa. Acredito que um dia vou para o céu. Tenho a consciência limpa e se alguém me acusar de ser corrupto terá de prová-lo. Mas ninguém vai conseguir, porque não sou", comentou Blatter, em entrevista à revista alemã "Bunte".

"Estou aberto a críticas positivas. Posso tê-las em consideração se tiver de mudar no futuro. Mas quem disser que sou corrupto deve ir para a cadeia", concluiu o dirigente suíço.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG