Premier League

Brilho lusitano no triunfo do Wolverhampton sobre o Tottenham

Brilho lusitano no triunfo do Wolverhampton sobre o Tottenham

No duelo entre o "professor" José Mourinho e o "aluno" Nuno Espírito Santo (o primeiro foi treinador do segundo no F. C. Porto), foi o internacional português Diogo Jota quem mais brilhou, com um golo e uma assistência. O Wolverhampton venceu em Londres, por 3-2, e ultrapassou os spurs na tabela classificativa.

Steven Bergwijn aos 13 minutos deixou o Tottenham na frente do marcador, mas passados 14 minutos o Wolverhamtpon empatou por Matt Doherty, servido por Dele Alli, Aurier voltou a deixar a equipa de José Mouriniho em vantagem.

Foi, depois, na segunda parte, que o "furacão Jota" entrou em cena para resolver a partida a favor dos Wolves. O avançado português fez o 2-2 aos 57 minutos e, aos 73, serviu Raúl Jiménez para dar vantagem à equipa de Nuno Espírito Santo.

Até ao final da partida, o marcador não voltou a mexer e o Wolverhampton somou os três pontos, ultrapassando os spurs na tabela ao colocar-se no sexto posto, com 42 pontos, os mesmos que o Manchester United, que ocupa a quinta posição. No 7.º lugar ficou o Tottenham.

Nesta partida, no que toca a portugueses, o Tottenham utilizou Gedson Fernandes como suplente utilizado (entrou aos 82). Já o Wolverhampton teve Rui Patrício, Rúben Vinagre, Rúben Neves, João Moutinho e Diogo Jota no onze, enquanto Pedro Neto e Daniel Podence saltaram do banco na etapa complementar.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG