Sporting

Bruno de Carvalho desafia Marta Soares a debate na televisão do clube

Bruno de Carvalho desafia Marta Soares a debate na televisão do clube

O presidente do Sporting desafiou, esta terça-feira, Jaime Marta Soares, um membro da comissão de fiscalização e o presidente da comissão de gestão para um debate público.

"Se queremos dar voz aos associados não temos de ter medo de os informar. Que tal deixarmo-nos de intoxicações e manipulações e, 'olhos nos olhos', falarmos à nação sportinguista? Se não têm medo, como diz Torres Pereira (presidente da comissão de gestão), vamos a isso!", escreveu Bruno de Carvalho, desafiando Marta Soares para um debate na televisão do clube, na próxima quinta-feira, a partir das 21 horas, antes da Assembleia Geral destitutiva de sábado.

PUB

No convite para o debate, Bruno de Carvalho inclui, também, os presidentes da Comissão Transitória da Mesa da Assembleia Geral, Elsa Judas, nomeada pelo Conselho Diretivo (CD), e o presidente da comissão de fiscalização nomeada por aquela comissão.

O presidente do Sporting sugere mesmo os temas para debate, desde a legitimidade dos órgãos, passando pelo processo de suspensão de sócios e de funções, à legitimidade da Assembleia Geral de dia 23, à nomeação de uma comissão de gestão por sete dias e à forma como se vai garantir aos associados a fidedignidade dos resultados da AG de dia 23.

Por último, Bruno de Carvalho sugere, ainda, a análise política da situação do Sporting e questiona, em caso de ser votada a destituição do CD, se Marta Soares e os órgãos por si nomeados vão desrespeitar a vontade dos sócios, mantendo com eles uma guerra jurídica, ou se retiram como ilação, ao não ser votada a destituição, que está a ser votada a saída imediata de todos eles do clube, não de sócios, mas, sim, das putativas funções que exercem.

Bruno de Carvalho questiona, também, caso seja votada a não destituição do CD, se isso significará a paragem de todos os processos para que o aquele órgão possa trabalhar em paz e a CT da MAG possa convocar a AG para aprovação do orçamento e relatório de atividades e a AG eleitoral para MAG e Conselho Fiscal e Disciplinar (CFD).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG