Euro2020

Mourinho: "Chorei quando vi o Eriksen a cair"

José Mourinho

Foto Peter Powell / Pool / Afp

O treinador português, que trabalhou com o médio no Tottenham, abordou o sucedido com Christian Eriksen no jogo entre a Dinamarca e a Finlândia.

José Mourinho, que é um dos comentadores do "TalkSport" durante o Campeonato da Europa, não escondeu que viveu momentos de aflição quando viu Eriksen a cair inanimado no relvado.

"Não consigo parar de pensar no que aconteceu. Acho que hoje é um dia para celebrar e não para ficar triste. O futebol entrou neste caminho com todos os protocolos, qualidade dos médicos e eu também acredito que Deus estava a olhar para aquele campo naquele momento. Tudo isto junto ajudou o Christian a ficar connosco, a ficar vivo. Isto também mostrou os bons valores deste desporto, o amor e a solidariedade. Eu chorei quando vi o Eriksen a cair e acho que muitos milhões à volta do mundo também o fizeram. É a prova de que este desporto consegue juntar as pessoas. Infelizmente, ontem, foi pelas razões erradas, mas no fim pudemos celebrar", disse o treinador da Roma.

O encontro de sábado entre a Dinamarca e a Finlândia, em Copenhaga, foi interrompido ao minuto 43 depois de Christian Eriksen cair inanimado no relvado. O médio foi prontamente socorrido e sujeito a tentativas de reanimação por parte da equipa médica e, neste momento, está estável no hospital.

Relacionadas