Queixa na UEFA

Macedónia do Norte acusa adversário de fazer gesto nacionalista

Macedónia do Norte acusa adversário de fazer gesto nacionalista

A Federação de Futebol da Macedónia do Norte disse ter apresentado queixa à UEFA, est terça-feira, acusando o avançado austríaco Marco Arnautovic, de origem sérvia, de fazer um gesto de cariz nacionalista contra um adversário.

Arnautovic fez um gesto com a mão em direção a Ezgjan Alioski, de origem albanesa, depois de ter marcado no domingo o terceiro golo na vitória da Áustria frente à Macedónia do Norte, por 3-1, em jogo do Euro2020 de futebol.

Em causa o gesto de Arnautovic, que juntou o polegar e o indicador ao festejar o golo do 3-1. Deixou três dedos levantados, que podem significar "três", do resultado no marcador ou ser um banal "ok", mas que é também o símbolo usado pelos supremacistas brancos.

"Somos sempre contra o nacionalismo, a discriminação e outras formas de insulto, que não representam o espírito do futebol", assinalou a federação da Macedónia do Norte.

O avançado austríaco, de 32 anos, reconheceu ter proferido palavras mais inflamadas e, por isso, pediu desculpa, mas sublinhou, em letras maiúsculas, na sua conta na rede social Instagram, que não é racista.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG