O Jogo ao Vivo

Futebol

Ronaldo atira camisola ao chão mas Pirlo defende-o: "Estava chateado"

Ronaldo atira camisola ao chão mas Pirlo defende-o: "Estava chateado"

A Juventus venceu (3-1), este domingo, o Génova na Liga italiana. O internacional português não marcou mas está a dar que falar por ter atirado a camisola ao chão.

Cristiano Ronaldo foi titular no jogo em Turim - não conseguiu marcar e até acertou no poste - e, depois do apito final, protagonizou um episódio que está a dar muito que falar em Itália, já que tirou a camisola, atirou-a ao chão e dirigiu-se de imediato para os balneários com cara de chateado.

Os adeptos não ficaram muito contentes com o gesto e as críticas não tardaram, embora também haja a teoria de que Ronaldo tirou a camisola para a dar a um apanha-bolas, que a apanhou de imediato. Certo é que Pirlo acabou por ser questionado sobre o episódio e defendeu o português, garantindo que não haverá multas.

"Cristiano estava chateado por não ter marcado. Ele teve oportunidades e é normal que um jogador do seu nível queira sempre melhorar as suas marcas. E se quer melhorar, é normal que fique chateado quando não faz. Não vai haver multas nem nada parecido. O jogo acabou e ficar nervoso é normal. Isso pode acontecer a qualquer um", disse o treinador da Juventus.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG