Desporto

Cardozo aproveita "prenda" de Roberto e mantém Benfica na luta pelo apuramento

Cardozo aproveita "prenda" de Roberto e mantém Benfica na luta pelo apuramento

Um golo de Oscar Cardozo, que aproveitou uma "prenda" do guarda-redes Roberto, manteve hoje o Benfica na luta pelo apuramento no Grupo C da Liga do Campeões de futebol, no empate (1-1) frente ao Olympiacos.

No Estádio da Luz, num jogo da terceira jornada marcado pelo relvado encharcado na segunda parte, os "encarnados" fugiram à derrota já nos últimos instantes, com Cardozo a confirmar o golo em cima da linha, aos 83 minutos, num lance em que o Benfica beneficiou de um erro de Roberto e também do árbitro, que assinalou erradamente pontapé de canto.

Antes, num palco de boas memórias para os gregos, onde em 2004 a seleção helénica conquistou o Europeu, o veterano argentino Dominguez tinha colocado o Olympiacos em vantagem, aos 29 minutos, numa primeira parte em que foram superiores perante um Benfica demasiado apático.

Aliás, a formação de Jorge Jesus, que apostou no holandês Ola John na equipa titular, voltou a estar longe do nível exibicional de outros tempos, mas, mesmo assim, fugiu a uma derrota que poderia complicar e muito o apuramento para os "oitavos" da "Champions".

Apesar disso, o Benfica segue no terceiro lugar do Grupo C, empatado com o Olympiacos, segundo, com quatro pontos, mas está obrigado a um resultado positivo na Grécia, num palco onde há cinco anos sofreu uma das piores derrotas da sua história (5-1).

O Benfica até entrou bem na partida, mas, com "apenas" Matic e Enzo Perez a meio-campo, foi perdendo o controlo da partida, acabando o Olympiacos por crescer no encontro.

Depois de Mitroglou ter duas vezes assustado Artur, os gregos chegaram à vantagem aos 29 minutos, num lance que surgiu de um erro infantil de Matic, acabando Dominguez por aproveitar, depois de combinar bem com o avançado helénico.

Contudo, o jogo mudou completamente de figura na segunda parte, devido à chuva intensa que caiu em Lisboa durante o encontro e que deixou algumas zonas do relvado em mau estado, numa altura em que Jesus já tinha lançado Ivan Cavaleiro às "feras" no lugar de Ola John, que esteve muito apagado.

Os níveis de agressividade subiram e muito nessa fase do encontro, com muita luta a meio-campo, acabando o Benfica também por se mostrar demasiado nervoso, já que, devido à "lama", tinha muitas dificuldades em chegar à baliza de Roberto.

Os "encarnados" ganharam novo folgo com a entrada de Ruben Amorim e Rodrigo em campo, nos lugares dos esgotados Enzo Perez e Gaitan, aos 80 minutos, e pouco depois chegaria mesmo ao tento da igualdade.

Num lance em que o árbitro assinalou erradamente canto, Roberto falhou a saída à bola, que, no meio da confusão, acabou por sobrar para Cardozo, que confirmou o golo do empate.