Taça de Portugal

Carlos Carvalhal: "O trabalho no Dragão é hercúleo"

Carlos Carvalhal: "O trabalho no Dragão é hercúleo"

O treinador Carlos Carvalhal destacou esta terça-feira as dificuldades que o Braga vai encontrar na segunda mão das meias-finais da Taça de Portugal, mas acredita no apuramento para a final, apesar das muitas ausências.

Apesar de o F. C. Porto estar "em vantagem nesta altura", devido ao 1-1 na primeira mão, Carlos Carvalhal acredita que o Braga pode ultrapassar os dragões, no jogo de quarta-feira, e chegar à final da Taça de Portugal.

"Temos consciência que vamos jogar contra uma grande equipa, com uma organização muito forte, com selo 'Champions League' e com um grande treinador, mas o Braga está muito motivado também, com vontade de chegar à final, sabendo que, para chegar lá, tem que fazer golos. O trabalho é hercúleo, mas a ambição é proporcional a essa dificuldade", salientou o treinador braguista, esta terça-feira, na antevisão ao encontro das meias-finais da Taça de Portugal.

Moura, David Carmo, Castro, Iuri Medeiros e Rui Fonte estão lesionados e são baixas certas, enquanto Sequeira, Raul Silva e Sporar estão em dúvida para o jogo com os portistas, algo realçado por Carvalhal.

"É importante que toda a gente meta os pés no chão. Recordo que no último jogo [vitória 2-1 no terreno do Nacional], o Bruno [Rodrigues], da equipa B, jogou a titular, não porque não mereça, mas fundamentalmente porque os jogadores da equipa principal estavam indisponíveis e daí o emergir de um potencial jogador, que é um jovem que ainda não está rotinado connosco, mas que esteve muito bem", acrescentou.

Carlos Carvalhal notou ainda que o avançado Vítor Oliveira também jogou na Madeira, sobretudo porque "Sporar estava indisponível com uma lombalgia", que, no banco, "estava o Hernâni, outro jogador da equipa B, que foi chamado devido à indisponibilidade dos jogadores da equipa A" e que, na segunda-feira, chamou o jovem avançado Rodrigo Gomes, dos sub-23, "porque ele merece, obviamente, mas fundamentalmente porque há mais problemas na equipa".

F. C. Porto e Braga defrontam-se na segunda mão das meias-finais da Taça de Portugal a partir das 20.15 horas de quarta-feira, no Estádio do Dragão, no Porto, jogo que será arbitrado por Artur Soares Dias.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG