S. C. Braga

Carlos Carvalhal: "Temos de discutir eliminatória até ao último segundo"

Carlos Carvalhal: "Temos de discutir eliminatória até ao último segundo"

A Roma venceu o S. C. Braga, por 2-0, no jogo da primeira mão dos 16 avos de final da Liga Europa, disputado em Portugal. Mas, mesmo assim, Carlos Carvalhal recusa-se a atirar a toalha ao chão.

"A tarefa é difícil", reconheceu o treinador dos arsenalistas, em Roma, onde esta quinta-feira se disputa a partida da segunda mão.

"Estamos a perder por 2-0 no minuto zero, isto é, quando o jogo começar. O que temos a fazer é não olhar para o resultado da primeira mão e discutir a eliminatória até ao último segundo. Temos de estar dentro do jogo durante 90 minutos. Há resultados que se alteram nos últimos cinco ou dez minutos de cada partida, isso acontece em todo o Mundo", prosseguiu Carlos Carvalhal.

O técnico do S. C. Braga, de resto, vincou que "felizmente" a equipa arsenalista tem ganho muitas vezes e tem andado "sempre muito motivada e a responder bem às contrariedades". Admitindo que existe, no grupo de trabalho e desde a primeira hora, consciência de que esta "eliminatória é muito complicada", Carvalhal assegura que "em 90 minutos muita coisa pode acontecer".

"Acima de tudo o que temos de fazer é uma exibição melhor do que na primeira mão. Em Braga, antevia-se que a segunda parte iria ser diferente, mas tivemos um lance que ainda hoje não percebo como não foi assinalado penálti a nosso favor. Isso podia ter mudado o jogo e, logo a seguir, ficamos reduzidos a 10 jogadores. Com onze fomos competitivos. É o que temos de fazer amanhã para estar dentro do jogo", atentou.

E concluiu, depois, assim: "Se a eliminatória estivesse 0-0 era 50 por cento de possibilidades para cada lado, mas neste momento, com 2-0, a Roma tem 70 a 80 por cento de hipóteses. Mas no futebol, mesmo quando só temos um por cento de hipóteses é a isso que temos de nos agarrar. Quanto a milagres, não acredito nisso. Tudo o que tiver de acontecer num jogo de futebol será sempre fruto da competência e da capacidade de trabalho dos jogadores dentro do campo. Sempre foi assim e será sempre assim".

Roma e S. C. Braga defrontam-se esta quinta-feira, no Estádio Olímpico. O pontapé de saída está marcado para as 20 horas.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG