Braga

Carvalhal: "Senti que o campo estava inclinado desde o início"

Carvalhal: "Senti que o campo estava inclinado desde o início"

O treinador do Braga considerou que a equipa fez um bom jogo frente ao Estrela Vermelha (empate a uma bola), na sexta e última jornada da Liga Europa, mas lamenta permissividade da equipa de arbitragem.

"O nosso objetivo era chegar ao primeiro lugar e ir diretamente para os oitavos de final. Fizemos por isso, fizemos um bom jogo, contra um adversário robusto e agressivo. Houve permissividade da equipa de arbitragem em relação a entradas sobre jogadores nossos. Podia ter marcado penálti mais cedo. Os meus jogadores foram estoicos, trabalharam muito, com uma atitude espetacular", analisou Carlos Carvalhal.

E prosseguiu: "Gostaríamos de ficar em primeiro. Vamos competir contra uma equipa vinda da Champions, o que é bom para nós. Vamos competir para chegar aos oitavos. Poderemos ter um Sevilha, que já vencemos num particular, o Barcelona, o Dortmund, o Leipzig... Espetacular".

O treinador arsenalista acredita que "vão ser grandes jogos" e deixa um aviso: "Contem com o Braga para competir e dar pontos ao ranking de Portugal. Sinto que o Braga era a melhor equipa deste grupo após alguns jogos".

Ainda no que ao embate com o Estrela Vermelha diz respeito, Carlos Carvalhal estendeu-se as críticas à arbitragem. "Normalmente não comento arbitragens a nível interno. Peço desculpa. Estou a esticar-me um pouco e a mostrar incoerência. Aceito isso. Perante a crítica que se faz aos árbitros portugueses e encontrar uma arbitragem deste género, senti uma saudade muito grande dos nossos árbitros. Houve muita condescendência. Nem sequer houve motivo para uma grande penalidade. Senti que o campo estava inclinado desde o início. Fica o resultado e a continuidade na prova", completou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG