Benfica

Casa de Bruno Lage também foi alvo de grafitos com ameaças

Casa de Bruno Lage também foi alvo de grafitos com ameaças

Depois do ataque ao autocarro do Benfica, os adeptos grafitaram as casas de alguns jogadores. O treinador também não escapou à fúria depois do empate com o Tondela (0-0).

A casa do treinador do Benfica também foi alvo de grafitos com ameaças, de acordo com fotografias que andam a correr nas redes sociais. "Lage rua", foi escrito na porta de casa do técnico encarnado com a sigla dos No Name Boys. Além de Pizzi, também Rafa foi insultado com um grafito na porta de casa.

A PSP está a investigar o caso e admite que entre os suspeitos podem estar elementos das claques do Benfica devido ao teor das mensagens.

Segundo a mesma fonte, a PSP foi alertada ao início da manhã desta sexta-feira.

Este incidente surge após o autocarro da equipa do Benfica ter sido apedrejado, na quinta-feira à noite, à saída da A2, quando se dirigia para o centro de estágios do clube, no Seixal, depois do empate 0-0 na receção ao Tondela, em jogo da 25.ª jornada da I Liga.

Os jogadores Weigl e Zivkovic foram transportados para um hospital de Lisboa, por terem sido atingidos com estilhaços.

PUB

Em comunicado, o clube da Luz confirmou que o autocarro foi alvo de um "criminoso apedrejamento" e confirmou que os dois futebolistas foram conduzidos ao hospital para "serem observados, na sequência dos estilhaços que os atingiram".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG