O Jogo ao Vivo

Belenenses SAD - Benfica

Chocolate suíço reforça a confiança

Chocolate suíço reforça a confiança

Bis de Seferovic desbloqueia dérbi e ajuda as águias, que regressam às vitórias fora de casa nos jogos da Liga.

Depois de cinco embates sem triunfar fora na Liga, o Benfica voltou às vitórias (3-0), diante do Belenenses SAD. Três pontos que mantêm o conjunto na perseguição dos lugares da Champions - menos três pontos para o F .C. Porto e um para o Braga, este com menos um jogo.

As águias desenharam resultado expressivo, justo e escrito na segunda parte, a melhor fase. Após uma primeira parte em que a equipa pareceu com dúvidas na interpretação do menu ofensivo - hesitante nas movimentações e a privilegiar a progressão com um número excessivo de passes pela zona central - simplificou processos, preferindo a profundidade. Em apenas três minutos deixaram o adversário fora de jogo com duas aberturas dos laterais (Grimaldo e Diogo Gonçalves) e entradas pontuais de Seferovic. O Belenenses SAD revelou eficácia defensiva e atrevimento ofensivo, mas caiu animicamente após os golos de rajada.

As águias assumiram a iniciativa, cercaram o adversário, mas sentiram dificuldade em desequilibrar. O relvado, irregular, não ajudava a equipa que revelava lentidão. Nessa busca, Grimaldo e Rafa encontraram a chave que colocou Pizzi e Seferovic na cara de Kritchuik. Mas aí faltou letalidade.

O desperdício retraiu a equipa que deixou crescer os azuis, mais ameaçadores até ao intervalo. Varela teve uma chance única, mas Helton Leite não tremeu.

O Benfica reentrou com maior velocidade e simplicidade nas ações. Em vez de persistir nas trocas lentas pelo eixo privilegiou os passes com alguma profundidade dos laterais. Grimaldo e Diogo Gonçalves deixaram novamente Seferovic na zona da verdade que, desta vez, também concluiu de forma simples. Dois golos, em três minutos, que deixaram a águia numa zona confortável. Lucas Veríssimo ainda se estreou a marcar.

Veja o resumo do jogo:

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG