Olimpismo

Comité Paralímpico Internacional exclui atletas russos e bielorrussos

Comité Paralímpico Internacional exclui atletas russos e bielorrussos

O Comité Paralímpico Internacional (IPC) decidiu excluir a Rússia e a Bielorrússia de todas as competições mundiais e regionais das 10 modalidades desportivas sob a sua alçada, foi nesta quinta-feira anunciado.

Aquele comité considera ainda inviável a opção de russos e bielorrussos competirem como "atletas neutros" e refere a experiência recente nos Jogos Paralímpicos de Inverno, em que muitos países ameaçaram não participar se eles competissem.

Numa nota enviada às federações, a que a agência Efe teve acesso, o conselho do IPC considera que esta é "a única decisão possível (e menos restritiva), dadas as circunstâncias sem precedentes e de emergência" que enfrentam atualmente.

Com esta decisão, o IPC pretende manter os "fins fundamentais" consagrados na sua constituição, entre os quais se destacam o fomento do espírito de 'fair play', a proibição da violência e a coexistência pacifica das nações.

As competições em que russos e bielorrussos não poderão participar referem-se ao atletismo, natação, snowboard, tiro, levantamento do peso, dança desportiva, hóquei no gelo, esqui alpino, biatlo e esqui cross-country.

A decisão tomada pelo IPC é "provisória e pode ser revogada ou modificada a qualquer momento, se a situação mudar", pelo que é uma medida que permanecerá em constante revisão pelo conselho de administração do CPI.

Entre os grandes campeonatos de 2022 em que atletas russos e bielorrussos não poderão participar, está o Mundial de natação da Madeira, em junho.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG