O Jogo ao Vivo

MMA

Conor McGregor entrega-se à polícia depois de atacar autocarro

Conor McGregor entrega-se à polícia depois de atacar autocarro

O lutador irlandês de MMA Conor McGregor entregou-se às autoridades, esta sexta-feira de madrugada, depois de a polícia de Nova Iorque ter emitido um mandado de detenção, na sequência de desacatos provocados contra um autocarro, no pavilhão Barclays Centre, em Brooklyn.

Os distúrbios ocorreram, esta quinta-feira, no fim de uma conferência de imprensa antes do próximo evento da UFC ("Ultimate Fighting Championship", a federação de MMA), quando McGregor, juntamente com mais cerca de dez pessoas, atirou objetos contra o autocarro onde estava, entre outros, o lutador russo Nurmagomedov, que defronta, no sábado, o norte-americano Tony Ferguson.

Um dos objetos arremessados partiu um vidro da viatura, que atingiu o lutador norte-americano Michael Chiesa, que teve de receber tratamento hospitalar, na sequência das agressões.

Na origem dos desacatos espoletados por McGregor terá estado a decisão de Dana White, presidente da UFC, de lhe retirar o cinto de campeão de pesos leves, para entregar ao vencedor da luta entre Khabib Nurmagomedov e Artem Lobov.

Imagens do momento protagonizado pelo lutador de Artes Marciais Mistas (MMA, na sigla inglesa) foram registadas e partilhadas na Internet.

PUB

Conor McGregor, mais conhecido por "The Notorious", acabou por entregar-se, depois de, durante a madrugada, Dana White, presidente do Campeonato UFC (Ultimate Fighting Championship), ter anunciado que as autoridades tinham emitido um mandado de detenção. "O que aconteceu hoje foi criminoso, repudiante e faz-me ficar doente", disse, citado pelo britânico "The Independent".

McGregor foi detido sob as acusações de assalto e distúrbios. Passou a noite preso e deverá ser ouvido na manhã desta sexta-feira por um juiz de Nova Iorque.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG