Exclusivo

Contratar um central é prioritário para os dragões no defeso

Contratar um central é prioritário para os dragões no defeso

Saída de Mbemba, em fim de contrato, será colmatada com a chegada de um reforço para o eixo da defesa. Brasil é mercado preferencial

Contratar um central será a principal missão da SAD portista no mercado de transferências de verão, tendo em conta a saída iminente de Chancel Mbemba. O internacional congolês termina o vínculo com os dragões em junho e não vai renovar, abrindo uma vaga no eixo da defesa, que o F. C. Porto terá de colmatar. O dossiê não é urgente, mas será tratado com toda a atenção durante o defeso.

Ao que o JN apurou, o mercado brasileiro é o preferencial, sendo o desejo da SAD azul e branca encontrar um central de perfil parecido com o de Éder Militão, contratado em 2018 ao São Paulo e vendido um ano depois ao Real Madrid, por 50 milhões de euros. Essa tarefa não se afigura fácil, mas os dirigentes portistas já têm alvos definidos e querem dar um reforço de qualidade a Sérgio Conceição, capaz de fazer esquecer Mbemba, que, recorde-se, foi o jogador mais utilizado pelo treinador em 2021/22.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG