Futebol

Críticas a Pinto da Costa valem 70 dias de suspensão a Frederico Varandas

Críticas a Pinto da Costa valem 70 dias de suspensão a Frederico Varandas

O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol suspendeu, esta terça-feira, Frederico Varandas por 70 dias por críticas ao presidente do F. C. Porto, Pinto da Costa.

A visita e as declarações proferidas ao Núcleo Sportinguista de Carregal do Sal, após o encerramento da época 2021/22, valeram uma suspensão a Frederico Varandas. O presidente do Sporting foi castigado com 70 dias de suspensão pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol depois de proferir duras críticas a Pinto da Costa. Durante a visita, o líder dos leões acusou o presidente do F. C. Porto de ser um "corruptor ativo".

PUB

"Não é preciso a Justiça dizer o quer que seja para sabermos que o senhor Pinto da Costa é um corruptor ativo e alguém que deveria estar banido do dirigismo desportivo há décadas. Difícil é explicar a qualquer cidadão como é que uma pessoa apanhada a dizer isto não é condenada. O senhor Pinto da Costa não é nem nunca poderá ser uma referência do desporto nacional. E eu vou explicar porquê, convidando o senhor Secretário de Estado a ouvir apenas uma escuta, entre muitas que estão disponíveis para qualquer pessoa na internet, do processo Apito Dourado", afirmou.

Frederico Varandas foi ainda condenado ao pagamento de uma multa no valor de 13260 mil euros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG